fbpx

Famoso cantor relembra época como camelô

-

Victor Arioli
Jornalista diplomado com passagem pelo portal IG. No portal Área VIP é redator especialista em informações sobre o mundo das celebridades e da telinha.

Comente

Veja também

Faustão irá deixar a Globo no final do ano

Veja o que acontecerá com Fausto Silva e os motivos de sua saída.

Influencer, que parou na UTI após e minimizar o coronavírus e se aglomerar, sofre grave piora

Veja o curioso caso da influencer que minimizou a pandemia e está na UTI por conta da Covid-19.

Hariany Almeida passa por cirurgia de emergência

A participante Hariany Almeida acabou fazendo um desabafo e tanto.

O cantor Jonas Esticado - Reprodução: Instagram
O cantor Jonas Esticado – Reprodução: Instagram

Você provavelmente nesta pandemia escutou este refrão: “Investe em mim, aposta tudo em mim”. Pois bem, o intérprete deste hit seguiu o exemplo e investiu tudo e deu muito certo. No entanto, Jonas Esticado não investiu em uma moça e sim em sua carreira musical.

Namorada do sertanejo Jonas Esticado ostenta luxo com joias valiosas nas redes sociais

Ele, que era um camelô, acabou se tornando um dos maiores nomes da música nordestina. O agora famoso cantor, inclusive, abandonou até os estudos para se dedicar exclusivamente a carreira musical.

Jonas Esticado, em conversa com a Revista Quem, comentou como foi o início de sua carreira musical: “Comecei na escola, já cantava e fazia baderna com amigos na sala de aula. Comecei a ensaiar e, quando via, passava a semana inteira sem assistir aula. Alternava dedicação entre escola e banda, mesmo sem cachê. Com o dinheiro que ganhava trabalhando com meu pai, comprava uma corda de instrumento ou peças para a bateria”, afirmou.

Veja a real história do cantor sertanejo apontado em escândalo com homens

Em seguida, ele comentou como investiu tudo na música e deixou o trabalho como camelô: “Quando a banda passou a me dar retorno, tive que escolher entre música e estudo. Eram cerca de 20 shows por mês, com cachês de R$ 500 ou R$ 1 mil. Era algo bom para a minha idade. Falei para a família que pausaria os estudos, mas continuei trabalhando com meu pai durante o dia. Eles não aprovaram no começo, mas quando viram que era o que eu gostava e tinha futuro, ficaram bem. Eu já era maior, e deixaram”.

+ Cantor surpreende com revelação sobre Gusttavo Lima e Andressa Suita: “Salvaram a minha vida”

O cantor Jonas Esticado ainda fez uma reflexão, lembrando a época de camelô: “O que me deixa mais feliz na minha carreira é que, em muitas cidades onde cantei, fui primeiro como camelô para entregar mercadoria, e hoje faço shows gigantescos. Por exemplo, no meu primeiro show na Expocrato (Ceará), quando toquei como atração principal só com duplas famosas, passou um filme na minha cabeça porque uns anos atrás estava ali como vendedor, na área dos comerciantes. E nunca fui bom com vendas, só ajudava meu pai com o serviço bruto”.

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP - TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos Famosos - Clique Aqui!

Victor Arioli
Jornalista diplomado com passagem pelo portal IG. No portal Área VIP é redator especialista em informações sobre o mundo das celebridades e da telinha.

Últimas TV & Famosos