Walter Mercado – Divulgação

O mundo da televisão brasileira sofreu uma grande perda neste último sábado (02). O astrólogo porto-riquenho Walter Mercado, que ficou conhecidíssimo pelo bordão ‘ligue djá’ que repetia em campanhas publicitárias pela televisão nos anos 90.

+ Morre aos 64 anos a atriz Heloisa Raso

A informação foi confirmada pelo porta voz da família, Osmar Matos, ao portal UOL. Segundo ela, a causa do óbito de Walter Mercado foi falência renal. Ele morreu no hospital Hospital Auxilio Mutuo, em San Juan, na sua terra natal Porto Rico.

Ele marcou geração com seu jeito extravagante em frente às câmeras, sempre com roupas muito coloridas e penteados para lá de volumosos. Outro ponto bastante conhecido de seu jeito, era sua maquiagem carregada.

Ele iniciou a sua carreira na televisão meio que por acaso. Durante um programa na Rede Telemundo, no qual participava, um produtor, em um dia atípico de seu programa, onde ficou um buraco de 15 minutos, pediu para Mercado preencher o horário com previsões astrólogas. A atuação dele agradou o público e os diretores do canal.

Jornalista Saulo Gomes morre aos 91 anos em Ribeirão Preto

Seus últimos anos foram bem ao seu estilo. Em 2010, ele decidiu ‘trocar o seu nome’. Ele queria ser chamado de: Shanti Amada, em sânscrito, algo relacionado a ‘Alegria da Paz’.

Em 2012, começou a sua luta pela vida. Ele, inclusive, em entrevista, chegou a dizer que ‘viveu uma experiência de quase morte’. O fato o fez mudar de vida. Na época ele conta que a experiência foi fundamental para o seu amadurecimento.

“Quando você passa por esse tipo de coisa, você muda. Você passa a valorizar coisas que não valorizava antes”, afirmou.

Roberto Bueno, coach das celebridades, morre aos 46 anos

A última aparição de Walter Mercado na televisão brasileira foi no ano de 2016, quando deu entrevista ao programa de Gugu Liberato, na Record. Seus últimos anos foram vividos em Porto Rico, longe da televisão. O astrólogo apenas mantinha suas colunas em jornais dos Estados Unidos e em outros países latino-americanos.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here