Felipe Araújo (Globo/Fábio Rocha)
Felipe Araújo (Globo/Fábio Rocha)

Comecei a escrever com 15 anos e faço isso até hoje”. É com essa frase que Felipe Araújo, convidado do ‘Conversa com Bial’ desta sexta-feira, dia 1, explica como começou sua trajetória na música sertaneja.

Sertanejo Felipe Araújo e Maiara vão às lágrimas ao relembrar morte

Com apenas 24 anos, o cantor é recebido por Pedro Bial para falar sobre sua paixão pelo futebol, a relação com o filho Miguel e a eterna saudade do irmão, Cristiano Araújo, que faleceu em 2015. Também no programa, Rafael Vanucci, seu grande amigo e empresário, faz algumas revelações sobre o cantor.

Natural de Goiânia, polo da indústria sertaneja, Felipe aprecia músicas dos mais variados estilos: “Comecei como cantor em uma banda de rock. Sempre gostei de muita coisa, mas a minha essência é o sertanejo. No meu último projeto, faço uma mistura de várias coisas que curto”. Ele também não esconde a vocação para compor: “Sempre tento colocar nas músicas algumas histórias positivas, como um amor que deu certo.

Uma das maiores emoções do cantor foi se apresentar em um dos locais mais renomados do mundo sertanejo, a arena de Barretos, no interior de São Paulo. “Eram 70 mil pessoas. Foi a realização de um sonho. Sempre tento me encher de energia antes de subir no palco, fico até pulando no camarim. Eu me apresentei no dia 16 de agosto. Nesse mesmo dia, seis anos atrás, foi a vez de o Cristiano tocar em Barretos pela primeira vez”, lembra, emocionado. O cantor faz questão de falar sobre a amizade que tinha com o irmão, que morreu em um acidente de carro, em 2015: “O Cristiano está presente em todos os momentos da minha vida. Sinto isso quando estou cantando ou realizando sonhos. Ele sempre foi muito orgulhoso por tudo que conquistei. Fico feliz de saber que tenho um anjo olhando por mim”.

O hit ‘Atrasadinha’, lançado este ano, liderou os rankings nacionais com registros impressionantes. Um sucesso no Brasil, a canção se tornou ainda mais popular depois que Vinícius Júnior, jogador do Real Madrid e amigo do cantor, postou um vídeo cantando a música: “Quando ainda era da base do Flamengo, Vinícius já curtia sertanejo. Uma vez recebi uma mensagem, começamos a conversar e não paramos mais. Essa música mudou a minha vida. Foi um grande divisor de águas na minha carreira”, diz Felipe, que durante o programa canta ‘Espaçosa Demais’.

Traições, acidente e revelações; confira as polêmicas envolvendo cantores sertanejos

Felipe também confessa que tem mais paixões além da música. “Gosto muito de futebol, sempre foi meu sonho trabalhar de alguma forma com isso. Adoro os dois grandes de Goiás, mas na verdade sou corintiano. Tenho até uma tatuagem em homenagem ao Corinthians”. Outro amor é o filho Miguel, de sete meses. Mesmo com a agenda cheia de compromissos profissionais, Felipe Araújo sempre dá um jeito de estar perto da criança: ”Eu faço cerca de 24 shows por mês, mas em todas as minhas folgas eu tento estar com o meu filho. Estou muito feliz, conheci o verdadeiro amor. Sempre achei clichê essa frase, mas hoje vejo que a é mais pura verdade.

Sertanejo Felipe Araújo protagoniza barraco durante festa após o Prêmio Multishow

Com direção artística de Monica Almeida, o ‘Conversa com Bial’ é exibido após o ‘Jornal da Globo’.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here