sábado, 25 de setembro de 2021

Últimas

Sertanejo Zé Neto vai à Justiça ao ser cobrado por dívida da qual diz não saber

-

Elisangela Ribeiro
Jornalista e Radialista com passagens por emissoras como Top FM, Band e Capital AM. No Área VIP atuo como web redatora especializada em celebridades, famosos e o universo Sertanejo.

Comente

Veja também

- Continua após o Banner -

Zé Neto foto reprodução Instagram montagem Area Vip
Zé Neto foto reprodução Instagram montagem Area Vip

- Continua após o anúncio -

O sertanejo Zé Neto está passando por um momento delicado em sua vida, gente como a gente, o famoso está com nome negativado.

+Natália Toscano, esposa do sertanejo Zé Neto, revela dificuldade que enfrentou com furacão no México: “Não estou preparada”

Dono de grande sucessos como ‘Largado às Traças’ e ‘A Gente Continua’, canções que canta ao lado de seu parceiro de palco Cristiano,  acabou tendo que recorrer a justiça.

- Continua após o anúncio -

Tudo porque, de acordo com seus advogados que moveram um processo em abril do ano passado, o cantor precisou recorrer à Justiça para anular a cobrança de três boletos nos valores de R$15 mil, R$18 mil e R$25,5 mil, emitidos em nome do sertanejo.

Como ele mesmo classifica “angústia diária de ter seu nome negativado”, o famoso tem tentado provar que jamais realizou qualquer negócio jurídico que justificasse a cobrança e que se quer conhece a origem da dívida.

- Continua após o anúncio -

Na ação, o cantor narra que os boletos tinham como favorecida, uma pecuarista de Uberaba, em Minas Gerais, e os tais boletos teriam sido enviados com a indicação de protesto em caso de não pagamento. Zé Neto obteve uma vitória em primeira instância, já que não houve nenhuma exibição de documento que comprovasse qualquer dívida, e mesmo após ser citada, não foi apresentada contestação.

Sertanejo Zé Neto é barrado no México; saiba o motivo

O juiz Paulo Sérgio Romero Vicente Rodrigues, da 4ª Vara Civil de São José do Rio Preto, São Paulo, proferiu uma sentença favorável ao artista: “Julga-se procedente esta ação judicial, para confirmar as tutelas deferidas, declarar que o autor não deve os valores cobrados e protestados e que são inexigíveis”. O magistrado ainda pontuou que são devidos os R$800 à títulos de honorários (para os advogados de Zé Neto) e ainda, todas as despesas processuais. Mas ainda cabe recurso.

 

- Continua após o anúncio -

+ Novidade: Área VIP no Telegram – Clique Aqui e fique por dentro!

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP – TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos FamososClique Aqui!

Elisangela Ribeiro
Jornalista e Radialista com passagens por emissoras como Top FM, Band e Capital AM. No Área VIP atuo como web redatora especializada em celebridades, famosos e o universo Sertanejo.

Últimas TV & Famosos