Ana é levada para a delegacia e fica na cela ao lado de Leopoldo. Ubiratan esconde Vitória e depois vai atrás de Maria Lua. O delegado abre as marionetes e encontra o bilhete que Daniel colocou para incriminar Zé Trovão. O peão é detido e Dolores vai até a delegacia para defendê-lo. O delegado decide fazer um teste grafológico e liberta o peão. Dolores desconfia de Daniel, mas ele nega que tenha colocado o bilhete dentro da marionete. A velha Biga diz para Zé Trovão que a menina que está com Ana Raio não é a filha dela. Intrigado, Zé Trovão volta para o acampamento e, ao falar com Eleomar pelo rádio, descobre que Vitória Imperial é uma estelionatária. Depois flagra a suposta filha de Ana falando com um garoto e descobre que ela se chama Vera. Zé Trovão pressiona a menina e ela acaba confessando, diante de Jesus, que não é Maria Lua.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here