A atriz Lindsay Lohan recebeu a ordem na segunda-feira de usar um dispositivo de controle de consumo de álcool, e será submetida a exames aleatórios de drogas até o dia 6 de julho, quando comparecerá à Justiça por violação de sua liberdade condicional, indicou uma juíza, informa a edição online da Contigo!.

Lohan, de 23 anos, voltou a ter problemas com a justiça americana na última quinta-feira, quando não se apresentou a uma audiência judicial relacionada com sua condenação por dirigir sob efeito de álcool em 2007.

Enquanto a atriz americana era fotografada nas festas do Festival de Cannes, na França, a justiça notou que havia faltado às aulas sobre consumo de álcool que faziam parte de sua pena.

Lohan chegou nesta segunda-feira ao tribunal de Beverly Hill sete minutos atrasada; a juíza Marsha Revel fixou as condições que deverá respeitar até uma audiência sobre sua liberdade condicional no dia 6 de julho.

Revel negou o pedido da advogada de Lohan, Shawn Chapman Holley, para que a atriz não seja obrigada a usar o dispositivo para controlar o consumo de álcool e também não permitiu que seja submetida aos exames de droga no Texas, onde está trabalhando em um filme.

"Ela tem que se submeter a esses testes aqui (em Los Angeles), não no Texas", disse Revel.

Um advogado de Lohan indicou na semana passada que a atriz estava impossibilitada de voltar do Festival de cinema de Cannes, no sul da França, devido ao roubo de seu passaporte.

A juíza Revel havia ordenado a prisão de Lohan quando ela voltasse aos Estados Unidos na sexta-feira.

"Ela deveria ter evitado sua ida a Cannes ou voltado dois dias antes", disse Revel, que estabeleceu uma fiança de 100 mil dólares para Lohan. "Se não a pagar, irá para a cadeia", advertiu Revel.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here