O clima de solidariedade já toma conta dos corredores do SBT. Nos dias 5 e 6 de novembro acontece a 13ª edição do Teleton.

No começo da tarde desta segunda-feira, 18 de outubro, o SBT e a AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente) realizaram uma coletiva para contar para a imprensa as novidades da edição deste ano.

Hebe Camargo, Celso Portiolli e Ratinho, o diretor do programa Michael Ukstin, o diretor voluntário da AACD Eduardo de Almeida Carneiro, além de Dimitri, de 5 anos, e Felipe, de 9, que fazem tratamento na associação, estiveram presentes no evento para conversar com os jornalistas.

Hebe contou que conhece a AACD há 60 anos. "A gente é quem ganha quando colabora, você é quem está recebendo o bem. Nós (artistas) temos quase que obrigação de doar tempo dos nossos programas para fazer o bem", disse.

A apresentadora também aproveitou para relembrar que todas as quantias em doação são importantes. “O lindo de tudo é que aquele R$1 é tão importante quanto aqueles cheques de 3 milhões no final do programa. É fantástico como o povo colabora”.

Além disso, Hebe elogiou a iniciativa de Silvio Santos de ceder o SBT para a campanha: “O Silvio não se preocupou com a programação, com anunciantes, mas se preocupou com a AACD”, completou.

Celso Portiolli relembrou que suas participações no Teleton foram mudando de ano a ano. “Comecei fazendo uma externa. Conforme a minha carreira foi melhorando, fui apresentando. O ano passado foi muito especial. Para mim, é uma grande emoção”.

O apresentador do Domingo Legal disse que, por causa do quadro “Construindo Um Sonho”, tem viajado miuito pelo país e conhecido várias pessoas que fazem tratamento na associação. “Em toda cidade que eu vou tem sempre uma criança atendida pela AACD”, diz.

Ratinho, que também participou da coletiva, afirmou que a organização da associação é fantástica. “Dá vontade de deixar o Brasil ser administrado pelo pessoal da AACD”. Ele também confessou que sempre se emociona com o Teleton. “Sou um chorão. Choro assistindo, choro vendo os resultados; é um choro gostoso”, concluiu.

Eduardo de Almeida Carneiro, presidente da AACD, relembrou que, além de ser a maior de captação de recursos para a associação, esta é a grande possibilidade de mostrar à comunidade o deficiente físico. “É a partir daí que podemos chegar à inclusão social. Essas crianças não precisam da nossa lágrima, mas da nossa ajuda. O deficiente físico só se difere na forma como fazem as coisas, mas eles fazem tudo o que fazemos”, disse.

Este ano, o Teleton trará algumas surpresas e novidades. Além de cantarem seus sucessos, Claudia Leitte, Victor e Léo, Daniel e Ivete Sangalo estarão entre o time de apresentadores que comandarão a maratona beneficente.

Embora o programa aconteça durante quase dois dias, a preparação começa bem antes. Por cerca de 8 meses, a equipe do Teleton se organiza para realizar a maratona, que conta com mais de 500 pessoas envolvidas direta e indiretamente.

As doações para o Teleton, que tem a meta de arrecadar R$ 20 milhões neste ano, já podem ser feitas através do telefone:

0500 12345 05, para doar R$ 5
0500 12345 10, para doar R$ 10
0500 12345 20, para doar R$ 20
0800 77520 10, para doações de R$ 30 ou mais.

As doações também podem ser feitas pela internet no site
www.teleton.org.br

O Teleton acontece nos dias 5 e 6 de novembro no SBT!



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here