Mariana (Julianne Trevisol) está enfurecida porque Ana (Bruna Brignol), Mateus (Pedro Lamares), Eugênia (Maria Carolina Ribeiro) e Alberto (Felipe Camargo) foram cúmplices da fuga de Simão (Miguel Thiré) e Teresa (Anna Sophia Folch). Emília (Ana Kutner) pede perdão a Carlos (Igor kovalewsky) por ter beijado Manuel (Leonardo Carvalho). Antônia (Suzy Rêgo) fica desolada quando Padre Dinis (Virgílio Castelo) conta sobre a morte de Pedro (Bruno Gradim). Micaela (Cristina Amadeo) ameaça Elisa (São José Correia) com uma faca, pois teme que a duquesa revele que conseguiu a arma de fogo com ela. Elisa consegue desarmá-la e também ameaça matá-la, como fez com Samuel e Pedro. Simão, Teresa, Júlia (Natália Luiza), Rosália (Dani Ornellas) e José (Ronnie Marruda) chegam a Resende. Rita (Ana Bustorff), Domingos (Flávio Galvão) e Olinda (Julie Sargeant) chegam a Resende e reencontram Adelaide (Leonor Seixa) e Estevão (Nuno Pardal). Os dois contam–lhes toda a verdade sobre o que aconteceu em Portugal e o que fez Manuel. O juiz quer que Jacinto (Júlio Levy) e Aníbal (Edgar Amorim) partam em busca de Manuel, mas é surpreendido com a chegada de Carlos e Emília, que entregam o filho do juiz. Álvaro flagra Micaela entregando dinheiro ao homem que enganou Luzia. Ele tenta em vão capturá-lo, mas é impedido por Micaela. O barão revela a Ângela que Micaela não é irmã dela de verdade e que foi Micaela quem deu a Elisa a arma de fogo que matou Pedro. Desesperada, Micaela saca uma arma e ameaça o dois. Ela atira e foge. A bala atinge Álvaro. Domingos prende Manuel e determina que o filho seja levado à justiça do Rio de Janeiro. Simão e José (Ronnie Marruda) invadem a casa de Tadeu Dias para reaverem Joaquinzinho e Zuza (Gabriel Austin) e se deparam com Tadeu, Theobaldo (Renato Rocha) e Baltazar (Marcos Breda), que ameaça as crianças com uma faca. Mariana chega e testemunha a cena. Diante do inspetor de polícia, Dinis acusa a filha Elisa de ter matado Samuel e Pedro e como prova tira da bolsa dela parte dos documentos que ela roubou. Revoltada, Elisa xinga todos e transtornada, ofende ainda mais Dinis e Alberto (Felipe Camargo). O Barão de Saraiva (Henrique Viana) também chega para dizer que não pode compactuar com os crimes de Elisa. Ângela pede perdão a Álvaro e pelas ruas do Rio, Micaela volta a se prostituir. Baltazar revela a Simão que Mariana o ajudou a forjar a história das falsas mortes. Simão fica inconformado com a traição de Mariana. Baltazar atira uma faca em Simão, mas Mariana se joga na frente do amado e é atingida.





DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here