Leila Sterenberg / Foto Reprodução: Globo News

Leila Sterenberg acabou fazendo um comentário infeliz no encerramento do ‘GloboNews Em Pauta’, na última terça-feira (10). É que a apresentadora fez uma piada sobre a tragédia de 11 de setembro.

Em uma conversa em vídeo com Monica Waldvogel, Guga Chacra e Gerson Camarotti, Leila brincou com o fato do atento completar 18 anos no dia seguinte. “Pode tirar título de eleitor e votar”, disse ela rindo.

Os repórteres ficaram constrangidos com o comentário da colega, tanto que Guga Chacra ‘fechou a cara’, visivelmente incomodado com a situação.

De acordo com o colunista Flávio Ricco, do portal UOL, o trecho foi retirado da íntegra do vídeo disponível no Globosat Play, indicando que a própria emissora ficou incomodada.

Nas redes sociais, Leila foi bastante criticada. “Que coisa vergonhosa, @GloboNews ! Essa repórter deveria vir à público pedir desculpas e ainda ser afastada. Gravíssimo! Não se faz piada com uma tragédia dessas, mesmo após anos da ocorrência. Papelão”, disse uma internauta, indignada.

“É triste ver Jornalista fazendo zombaria com algo tão terrível e pior diante um telejornal”, lamentou outro. “Aí sei la, emitir opinião nos dias de hj, causam esse desconforto. O assunto é delicado, e ontem eu presenciei muito humor ácido com relação a esse atentado. Jamais poderemos esquecer que perdemos ali mais de 4 mil irmãos. Para sempre teremos que refletir esse assunto”, disse mais um.

O atentado terrorista de 11 de setembro de 2001, que derrubou as Torres Gêmeas, em Nova York, matou quase três mil pessoas, e chocou o mundo todo.

Repórter da Globo é acusada de farsa durante reportagem pela prefeitura

A Globo se envolveu numa nova polêmica desta vez. A má relação entre a emissora carioca e o prefeito da cidade, Marcelo Crivella, têm deixado os animados cada vez mais à flor da pele, e desta vez, a prefeitura do Rio acusou a repórter Susana Naspolini de inventar “uma grande farsa”, expondo crianças “de maneira covarde” em uma reportagem de um dos jornalísticos locais.

No vídeo, a reportagem de Naspolini surge afirmando que ela “insinuou que as crianças da rede pública mal sabem escrever”, e apela para a emoção ao apresentar criança escrevendo na lousa do quadro, “as três palavrinhas que fizeram muita gente chorar” e declarações de amor. Saiba mais!

Veja também:



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here