Logo Record e Globo – Reprodução

É, meus caros, nesta última segunda-feira (10), São Paulo foi castigada por uma chuva torrencial que caiu na madrugada e se espalhou ao longo do dia. Para você ter noção, choveu, somente até a metade do dia, 50% do esperado para o mês de fevereiro inteiro.

+ Crise na Globo esquenta após resposta dos atores a redução de salário

Na ocasião, as emissoras de televisão fizeram uma cobertura especial para passar todas as informações sobre o tempo e os estragos causados pela água em São Paulo. Nisso, podemos notar a diferença no tratamento dos funcionários da casa entre a TV Globo e a Rede Record.

Vale lembrar que, muitos apresentadores entram cedo, no entanto, com as vias congestionadas, como eles poderiam chegar ao seu posto de trabalho. Pois bem, foi aí que a diferença foi notada. As informações são da jornalista e colunista do jornal carioca ‘O Dia’, Fábia Oliveira.

Jornalista Mauro Naves se desliga da Rede Globo

Enquanto os apresentadores da emissora da Barra Funda, a Record, tiveram que pegar o singelo transporte público sobre trilhos em São Paulo, o famoso metrô, na TV Globo foi muito diferente.

Os grandes nomes da casa como Ticiane Pinheiro e Celso Zucatelli encararam os trens lotados. Já a emissora, com sede no bairro do Morumbi, as margens da Marginal Pinheiros, que estava alagada, tiveram um tratamento digno de estrela.

Demissão de Mauro Naves da Globo causa revolta em famoso narrador: “Desumano e humilhante”

É que, de acordo com a jornalista, a emissora fez questão de deixar os funcionários longe de qualquer problema e mandou, nada menos do que um helicóptero para buscá-los em casa. Assim, eles não pegaram nenhum tipo de perrengue e não perder nenhum tipo de horário. É, meus amigos, isso é o que chamamos de tratamento VIP.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here