domingo, 25 de julho de 2021

Últimas

Repórter Record Investigação revela a dura rotina de adultos e crianças que trabalham nos piores lixões do país

-

Wandreza Fernandes
Editora chefe do Área VIP e redatora web há 15 anos. Especialista em Famosos, TV, Reality shows e especialmente em Novelas.

Comente

Veja também

- Continua após o Banner -

Roberto Cabrini no Repórter Record Investigação (Divulgação/Record TV)
Roberto Cabrini no Repórter Record Investigação (Divulgação/Record TV)

- Continua após o anúncio -

Nesta quinta-feira, dia 22/04, o Repórter Record Investigação, com apresentação de Roberto Cabrini exibe uma reportagem com histórias de pessoas de diferentes idades e gêneros que trabalham, se arriscam e até se alimentam em diferentes lixões pelo país.

Domingo Espetacular garante segundo lugar; A Grande Reportagem de Roberto Cabrini marca 12 pontos de média

Os brasileiros produzem cerca de 1,5 milhão de toneladas de lixo, por semana. Quase a metade é despejada em aterro ou lixão, O que prejudica o meio ambiente, mas garante a renda de milhares de famílias.

- Continua após o anúncio -

Um levantamento feito pelas equipes do programa, através do cruzamento de dados e acesso a relatórios do Ministério da Economia, revela o retrato de adultos e crianças que trabalham nos piores lixões do Brasil.

O primeiro destino é Eunápolis, na Bahia, cidade com mais de 112 mil habitantes, onde os repórteres Rogério Guimarães, Flávia Prado e Leopoldo Moraes registraram o descarte ilegal de lixo hospitalar, em plena crise sanitária. “Tem tubos de seringa, cateter, bolsa de sangue, tudo misturado ao lixo comum”, mostra o catador ao nosso repórter.

- Continua após o anúncio -

Em Itabuna, no sul do estado, a palavra fome faz parte do vocabulário e do dia a dia de centenas de famílias. Muitas delas ficaram sem renda com o agravamento da pandemia e foram morar perto do lixão da cidade. Assim, garantem pelo menos um pouco de alimento. “É a necessidade. É o único meio da gente ter comida na mesa“, resume a catadora.

Da Bahia para o Ceará. Na cidade de Pacajus, de 73 mil habitantes, as equipes encontraram crianças e adolescentes trabalhando no lixão, uma das piores formas de trabalho infantil, com exposição a perigos e doenças. “Já me cortei com vidro enquanto trabalhava”, conta o menino de 10 anos.

Repórter Record Investigação é um dos finalistas do prêmio internacional One World Media Awards pelo segundo ano consecutivo

E o programa ainda fala com os melhores especialistas e estudiosos no assunto, que contam sobre o que fazer com os catadores após o fechamento dos lixões, previsto para agosto de 2024.

Com apresentação de Roberto Cabrini, Repórter Record Investigação vai ao ar nesta quinta-feira, às 22h45.

- Continua após o anúncio -

+ Novidade: Área VIP no Telegram – Clique Aqui e fique por dentro!

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP – TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos FamososClique Aqui!

Wandreza Fernandes
Editora chefe do Área VIP e redatora web há 15 anos. Especialista em Famosos, TV, Reality shows e especialmente em Novelas.

Últimas TV & Famosos