Karyn Bravo e Ana Paula Couto – Divulgação/TV Cultura

Se você acha que, em sua maioria, o clima de paz e sorrisos perante as câmeras entre os jornalistas na televisão, é o mesmo até saírem do vídeo, está totalmente enganado. Embora claro, aconteça de existir uma relação harmoniosa entre os profissionais incluídos, na TV Cultura, mais precisamente no principal jornalístico da casa, a edição noturna do ‘Jornal da Cultura’, a situação era pior do que se poderia imaginar.

+ Novas demissões nos bastidores da Globo gera desespero entre jornalistas

Por trás das câmeras, as duas âncoras, Karyn Bravo e Ana Paula Couto, protagonizavam brigas constantes, com direito a ritos, xingamentos e murros na mesa. Segundo informações do jornalista Ricardo Feltrin, do portal UOL, acredita-se que os climões eram ocasionados em virtude de uma tentativa de estrelismo por ambas as partes, com uma tentando se destacar mais do que o outro.

+ TV Cultura decide acabar com programa após 39 anos no ar; saiba mais

Em meio a situação, a Cultura se viu numa saia-justa, e o alto escalão interferiu, adiantando um período de férias de pelo menos 15 dias para Ana Paula, e com o período acabando, uma solução foi imposta: a partir de novembro, ocorrerá revezamento entre as profissionais. Karyn apresentará o telejornal às segundas, quartas e sextas, enquanto Ana, das terças, quintas e sábados.

+ CNN Brasil suspeita de problemas com concorrência e mira na TV Cultura

O clima de estranhamento já estava perdurando há alguma semanas, principalmente nas leituras dos noticiários. A tensão chegou a acontecer no momento em que uma começou a chamar a outra de burra na frente da redação. E não para por aí! Karyn, ao que parece, sequer olha na ara de Joyce Ribeiro, outro nome saído do SBT, com quem já trabalhou em inúmeras ocasiões e dividiu a bancada de noticiários do canal de Silvio Santos.

+ Ex-jornalista da TV Globo faz pedido inusitado para SIlvio Santos



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here