Cid Moreira – Reprodução/Instagram

Dispensamos comentários quando nos referimos a Cid Moreira. Um dos maiores nomes do jornalismo brasileiro, mesmo após ter deixado a bancada do ‘Jornal Nacional’ há quase 25 anos, e fora do ar há um bom tempo, ele está com status de estrela no canal: ainda é um contratado da Globo até o final deste ano.

+ Ex-bailarina do Faustão revela ter sido vítima de racismo por diretor do programa

+ Antes da morte, Paulo Henrique Amorim estava em pé de guerra com a Record

Em entrevista concedida ao portal Notícias da TV, o comunicador, que completou 50 anos de emissora em maio, confessou: “Nem vejo mais telejornais”. Quase chegando aos seus 92 anos, Cid afirma que o motivo de não acompanhar mais a TV não associa a possível mágoa guardada sobre o canal carioca, mas sim com relação a programação atual das emissoras nos dias de hoje. “Acho tudo muito igual. É um meio de comunicação que precisa se adequar aos novos tempos e buscar um caminho mais próximo da internet”, avalia.

Cid Moreira arranca elogios sobre o canal, e enfatizou pelo cumprimento com o dever sobre seus contratados. “Gosto da empresa porque nunca atrasou um dia do meu salário. Em outros canais que eu trabalhei, isso era um drama”, diz. O eterno comandante do ‘JN’ conta que chegou a ser sondado pela Globo a atuar como editor, além de ser âncora do informativo.“Queriam que eu participasse mais da produção do telejornal. Em contrapartida, eu teria que abrir mão dos meus trabalhos de locução em documentários e comerciais”, desabafa ele, que não escondeu sobre sua saída do jornalístico.

“Cheguei a fazer um levantamento [financeiro] e, quando viram que não poderiam cobrir a oferta, desistiram de mim. Logo depois, eu sai da bancada do JN”, conta Moreira, que confessou ter sido assediado pela concorrência, mas optou por continuar. “Tive uma proposta boa de uma emissora concorrente, mas apareceram tantos intermediários na jogada que eu iria receber quase a mesma coisa. Preferi ficar”, lamenta.

Vítima de ataque

A situação está cada vez mais complicada. Se até os celulares de ministros da Justiça e desembargadores estão sendo invadidos, como o que aconteceu com o Juiz Sérgio Moro e Deltan Dallagnol, quem diria o de um mero cidadão. Pois bem, de acordo com informações da jornalista e colunista do portal ‘O Dia’, Fábia Oliveira, o jornalista Cid Moreira passou por momentos difíceis nestes últimos dias.

O motivo? Segundo as informações, o Instagram do jornalista foi invadido por hackers. A conta de Cid Moreira era seguida por quase 300 mil pessoas. Agora, ele aguarda que as devidas providências sejam tomadas pela plataforma. Saiba mais detalhes!

Dificuldades

No fim de janeiro, Cid Moreira surpreendeu os seguidores nao revelar que ficou internado em publicação no Instagram. Na legenda, o jornalista fez um longo desabafo sobre a vida de artista.

Cid inicia o texto contado a experiência: “Hoje quero contar um segredo para vocês. Quero desabafar! Não se iludam, temos todos muitos problemas. Recentemente, durante as férias, viajamos de carro, nos divertimos muito. Ao chegar a hotel, a Fátima percebeu um inchaço muito grande na minha perna direita! Insistiu para irmos a um hospital. Eu não queria. Disse que aquilo era da longa viagem, etc”. Confira!

Veja também:

Descubra quanto custa para anunciar no horário nobre da Globo



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here