Luciana Liviero – Reprodução

Um dos maiores nomes do jornalismo da TV, Luciana Liviero havia pedido demissão da Record em meados de 2013, para a surpresa do público em virtude de nove anos de trabalhos prestados ao canal paulista.

Em entrevista concedida ao portal Notícias da TV, a jornalista refletiu sobre a carreira de 20 anos, e lançou um canal no YouTube para abordar o que quiser. “Não queria me escravizar pela fama e pelo dinheiro”, disse ela, que não escondeu que perdeu a identificação pelas telinhas ao passar do tempo.

“Fui muito feliz em todos os lugares por que passei, mas eu não queria ser aquela pessoa que está na televisão apenas por estar. Tem gente que faz questão de estar na TV, fazendo coisas que não lhe agradam, apenas para manter a fama ou ganhar um bom dinheiro. Eu fui muito bem paga, mas algo em mim pedia para eu tentar coisas novas”, comentou.

Ela, que trabalhou entre 2004 e 2013, atuou em inúmeros formatos do canal, dividido entre entretenimento e jornalísticos, sendo até âncora do ‘Fala Brasil’ e o extinto ‘Record Notícias’. Promovida a correspondente internacional da rede em Nova York, foi por lá no qual ela começou a refletir sobre a carreira e decidiu radicalizar na mudança ao pedir demissão da emissora e criar um projeto inspirado na TV norte-americana.

A novidade chegou a ser apresentada à grandes canais da TV, mas sofreu impasse: “Gostaram bastante, mas disseram que só poderiam viabilizar se eu fosse atrás de patrocinadores”, comentou, sem citar os canais. “Faço o meu canal com muita alegria e naturalidade. Embora ele ainda não me sustente, tenho um retorno muito positivo das pessoas que me acompanham desde que eu estava na Record e por outras que acabaram me conhecendo na internet”, revela.

Veja também:



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here