Evandro Santo / Instagram

O humorista Evandro Santo, que neste último final de semana, passou por um verdadeiro sufoco por conta de uma agressão que sofreu, abriu o coração para falar sobre os momentos de tensão que passou.

Evandro Santo é agredido após show

Em entrevista ao portal UOL, o humorista contou mais detalhes do ocorrido: “Eu achei que ele queria tirar uma foto, mas ele chegou do nada, falou: ‘Viado’ e me deu um soco na boca. Eu fiquei sem reação. O cara que estava do meu lado partiu para cima dele”, relembra Evandro Santo.

Ele conta que não pensou em abrir um Boletim de Ocorrência no momento, no entanto, após, pensou melhor: “Na hora eu não pensei em fazer o boletim de ocorrência e fui direto para a farmácia comprar remédio. No outro dia, não queria me levantar da cama. A minha vontade era ficar dormindo direto. É uma situação muito chata. Nojenta. O meu empresário falou: ‘É bom você não deixar quieto'”.

+ Evandro Santo rebate críticas da comunidade LGBT após expor agressão

Ele conta que foi convocado para prestar depoimento e, caso ganhe a causa, já sabe o que fará com o dinheiro recebido: “No dia 31, estarei em Marília para prestar depoimento. Está tudo correndo rápido, graças a Deus. Se eu ganhar vou doar uma parte da indenização para a comunidade LGBT. Não tenho a menor ideia do valor, mas o que eu quero é justiça. Eu quero que ele seja punido”.

+ Após agressão, Evandro Santo faz reflexão: “Vida que segue”

Também em conversa com o UOL, o advogado do humorista, deu mais detalhes da ação que irá mover: “Estou preparando uma medida judicial por danos materiais e danos morais. Danos materiais pelas despesas que o Evandro teve com médico e condução, por exemplo, e danos morais abrangem danos estéticos e o abalo emocional”, disse ele.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here