Vanderson/Reprodução
Vanderson/Reprodução

O ex-participante do BBB19, Vanderson Brito, que deixou a casa no começo de janeiro após acusações de três mulheres, foi indiciado por lesão corporal leve após a conclusão do inquérito pela Polícia Civil do Acre. De acordo com informações do jornal Extra, a delegada encaminhou o inquérito para o Ministério Público do Estado.

Em entrevista ao portal G1, a delegada comentou o fim do inquérito de Vanderson: “Foram feitas todas as diligências e o inquérito foi concluído. Identificamos que houve a prática do crime de lesão corporal leve. Encaminhamos o inquérito para o Ministério Público tomar providências e prosseguir com a ação penal”.

Já a acusação de estupro, foi arquivada por entrar em decadência. A lei exige que, para ser investigado, a denúncia tem que ser feita em um prazo de até seis meses. Segundo a vítima, o caso teria ocorrido em 2016.

A acusação:

A ex-namorada do participante Vanderson Brito, Maíra Menezes, se pronunciou pelo Facebook para acusar o brother de agressão. “Imagina você abrir seu celular cheio de mensagens de amigas perguntando como eu estava. O rosto do meu agressor estava por toda parte, por toda a internet. Meu Deus, só eu sei o que eu vivi. Típico relacionamento abusivo que terminou com uma agressão. Eu terminei ainda amando, mas sabia que ele ia me bater de novo. Na época, com 18/19 anos, não tive coragem de fazer a denúncia. Anos depois, todo esse sofrimento me fez amadurecer e me fez feminista. Eu não sou a única. Sofri muito na época porque ninguém acreditou em mim, mas a verdade aparece e esse ano é ano de OGUM!”, escreveu Maíra…Saiba mais!

Família se pronuncia

Após ser acusado de agressão, Vanderson foi eliminado do reality. Em resposta, a família do participante publicou uma nota comentando a decisão da produção do programa. Veja na íntegra!

Veja também:

“BBB19”: Vanderson é expulso após acusações de agressão

 



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here