Carol Dias – Reprodução/Instagram

Aos 32 anos, Carol Dias ficou conhecida há alguns anos atrás após ter sido vista aos domingos durante o extinto programa ‘Pânico’, e hoje atuando como especialista em finanças, a artista vive uma vida saudável, e se prepara, por meio de estudos, na tentativa de engatar uma parceria com corretora nas redes sociais.

+ Em ‘A Fazenad 11’, ex-panicat Aricia critica Emílio Surita do ‘Pânico”

Em entrevista ao portal UOL, ela não esconde seus agradecimentos sobre as conquistas nas telinhas, mas desabafou acerca das críticas sobre sua capacidade de trabalho: “Não tenho o que reclamar do Pânico e sou amiga do Emilio Surita, de quem gosto muito. Mas, quando entrei no programa, não imaginava que iria passar por tantas coisas. As pessoas acham que, por trabalhar de biquíni ou como panicat, você é burra. Não é por aí. Foi difícil. Mas contra fatos não há argumentos. Hoje, veem que sou realmente boa no que estou fazendo. Minha missão de ajudar os outros está sendo muito positiva”.

+ Em ‘A Fazenda 11’, Viny Vieira expõe caso amoroso do passado com ex-panicat

Também youtuber, embora hoje milionária, Carol têm lidado com os erros e acertos da vida, e tudo se tornou aprendizado. “Eu errei no meu primeiro milhão. Eu tinha uma conta em um banco, mas não tinha conhecimento de onde investir. Coloquei todo o meu dinheiro num lugar só, na previdência privada. Não diversifiquei. Depois, portabilizei para outros fundos gratuitamente. Tem muitos brasileiros que não sabem disso. Se der errado numa aplicação, a outra está ali para segurar. Nesse erro eu perdi dinheiro”, afirma.

+ Solange Gomes abre o jogo e revela tentativa de romance com famosa panicat

A ex-modelo fala acerca das finanças pessoais e alega que hoje possui uma vida confortável, mas não pretende parar no momento. “Hoje já acumulei mais de R$ 3 milhões. A minha intenção é fazer as pessoas saberem rentabilizar. Agora, vou estrear um reality com a minha corretora, mostrando como começar a investir do zero para ajudar os brasileiros que ainda têm medo de entrar na bolsa. Para driblar essa crença de que não dá para investir com pouco dinheiro vamos abrir uma conta nova e mostrar os investimentos”, explica.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here