Silhueta cantor/Reprodução

Um dos grandes nomes do funk carioca na virada do milênio, Buchecha marcou gerações com a dupla com o parceiro Claudinho, que faleceu em um acidente automobilístico em 2002. O nome, um pouco exótico, era por conta de uma das características de seu rosto.

No entanto, você acredita que o Buchecha quis perder suas ‘bochechas’? Em entrevista ao jornal ‘O Dia’, o cantor revelou que pensou em diminuí-las, no entanto, desistiu do procedimento por conta das dores: “Acabei mexendo só em um lado, doía muito, não dava para fazer! Sou meio cagão com essas coisas, não gosto nem de ir a hospital. Mas quis fazer porque eu mordia muito a bochecha por dentro, ela é muito gorda”, revelou.

Buchecha / Instagram

Sobre o parceiro Claudinho, o cantor revela que sente saudade até hoje: “Você aprende a lidar com a situação. Não tem como reagir e sabe que não pude ficar enlutado a vida toda. Mas sinto muita saudade, tem muito sentimento envolvido. Toda vez que subo no palco me remete a essa lembrança. Tudo que aconteceu com a gente estava gravado na mente e no coração do povo brasileiro. E também na minha mente e no meu coração”, revelou ao jornal.

Boa ação

O cantor Buchecha fez um show na Arena Nº 1, no Pier Mauá, na região central do Rio.
O evento foi realizado por uma cervejaria para comemorar os jogos da Copa América, e tem o patrocínio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do estado do Rio de Janeiro.

O cantor Buchecha, surpreendeu o seu público ao pedir a sua produção para comprar todo o algodão doce dos ambulantes para distribuir às crianças que curtiam seu show. O cantor revelou, emocionado, o motivo de fazer a alegria dos fãs mirins que estavam presentes. Veja!

Veja também:

‘Nosso Sonho’ revive a história de Claudinho e Buchecha no cinema
Buchecha é internado após ataque cardíaco
Em aeroporto, cantor Buchecha passa mal e é socorrido pelos médicos



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here