fbpx

Aniversariantes famosos do dia 29 de Março

Pedro Bial Jornalista e apresentador brasileiro, nascido no Rio de Janeiro em 1958. Lima Duarte Ator brasileiro, nascido em Sacramento (MG) em 1930. Vanessa Giácomo Atriz brasileira, nascida em...

Filho do sertanejo Leonardo, João Guilherme ‘ignora’ quarentena e se arrisca

Filho do cantor sertanejo Leonardo, João Guilherme gera preocupação ao surgir nas ruas em meio a decreto de isolamento social.

De volta às telinhas em ‘Totalmente Demais’, Marina Ruy Barbosa pede papel em nova novela da Globo

De volta na tela da Globo na reprise de 'Totalmente Demais', Marina Ruy Barbosa revela desejo de atuar em próxima novela da Globo.

Marcão do Povo cria polêmica e rasga o verbo contra a Globo

Em meio a polêmicas envolvendo a Globo, Marcão do Povo rasga o verbo e detona o canal carioca.

Sertaneja Marília Mendonça e Murilo Huff exibem detalhes de quarto luxuoso do filho, Leo

Em quarentena, cantora sertaneja Marília Mendonça e o companheiro, Murilo Huff, exibem detalhes de quarto luxuoso do filho, Leo.

Roberto Justus quebra o silêncio e se defende novamente em meio a polêmica sobre coronavírus

Em meio a polêmica sobre posicionamento do novo coronavírus, Roberto Justus quebra o silêncio pela primeira vez nas redes sociais sobre o assunto.

Fernanda Nobre celebra aniversário da mãe e lamenta distância

-

Lilian Nobre e Fernanda Nobre / Instagram

Fernanda Nobre usou suas redes sociais neste domingo (22) para celebrar o aniversário de uma pessoa muito, sua mãe. Dona Lilian Nobre está completando mais um ano de vida e ganhou uma linda homenagem da filha.

A atriz compartilhou algumas fotos ao lado da mãe e ressaltou o quanto a admira e fica feliz quando dizem que elas são parecidas. Além disso, ela contou que por causa da pandemia do coronavírus, essa é a primeira vez que elas passam essa data longe.

Fernanda Nobre revela que sofre da mesma doença que levou Fernanda Young

“Essa é minha mãe, adoro que me digam que sou parecida com ela. Porque sou mesmo e me acho muito gata por causa disso. Mas bonita mesmo é a inteligência dela. Minha mãe é psicanalista e até hoje atende em consultório, passei minha vida vendo minha mãe trabalhar o dia inteiro e virar noite estudando para alguma palestra ou grupo de estudo”, lembrou ela.

Em seguida ela contou outros momentos que vem a sua cabeça quando pensa na mãe. “Eu acordava de madrugada para ir ao banheiro ou com medo de fantasmas embaixo da cama e minha mãe sempre estava acordada na madrugada silenciosa, lendo milhões de papéis, rabiscos dela e sempre os mesmos livros que ela lia e relia incansavelmente. Eu não entendia porque tinha que reler tanto o Deus soberano da nossa casa: Freud. Hoje sou eu que fiz um altar para agradecer a ele por nossa inteligência emocional. Ou seja, agradecer a ela”, acrescentou.

Fernanda também falou sobre o quanto admira o trabalho da mãe. “Quando era criança meu sonho era que minha mãe tivesse tempo de fazer meu lanche do recreio, de me levar e buscar na escola, que ficasse conversando com outras mãe na porta da escola. Hoje dou graças a Deus que nunca tive esta mãe, admiro mais a mulher que trabalha feito louca, que estuda sem parar, que passava horas da manhã no telefone dando atenção ao paciente que a gente sabia que estava naquele momento precisando mais dela do que nós”, afirmou.

Mari Palma lamenta ficar longe dos pais: “Muito triste de não poder ir lá”

A atriz também ressaltou as qualidades de Lilian. “Minha mãe é uma mulher moderna, contemporânea, com três filhas, três netos, dois casamentos e uma profissão que ela é apaixonada. (Agora chegou aquela hora do texto que eu continuo a escrever emocionada.) Morro de orgulho, de amor e gratidão por ela.”

Para finalizar ela lamentou estar longe da mãe no dia do seu aniversário. “Mãe, por causa desse maldito covid-19, este será seu primeiro aniversário que eu não vou poder te dar um abraço apertado, sentir seu cheiro e te agarrar. Mas tudo bem, estamos juntas combatendo este inimigo invisível para já já rir das angústias desse momento que nem Freud seria capaz de dar conta! @liliannobretrancoso.”

Veja o post – deslize:

View this post on Instagram

Essa é minha mãe, adoro que me digam que sou parecida com ela. Porque sou mesmo e me acho muito gata por causa disso. Mas bonita mesmo è a inteligência dela. Minha mãe é psicanalista e até hoje atende em consultório, passei minha vida vendo minha mãe trabalhar o dia inteiro e virar noite estudando para alguma palestra ou grupo de estudo. Eu acordava de madrugada para ir ao banheiro ou com medo de fantasmas embaixo da cama e minha mãe sempre estava acordada na madrugada silenciosa, lendo milhões de papéis, rabiscos dela e sempre os mesmos livros que ela lia e relia incansavelmente. Eu não entendia porque tinha que reler tanto o Deus soberano da nossa casa: Freud. Hoje sou eu que fiz um altar para agradecer a ele por nossa inteligência emocional. Ou seja, agradecer a ela. Quando era criança meu sonho era que minha mãe tivesse tempo de fazer meu lanche do recreio, de me levar e buscar na escola, que ficasse conversando com outras mãe na porta da escola. Hoje dou graças a Deus que nunca tive esta mãe, admiro mais a mulher que trabalha feito louca, que estuda sem parar, que passava horas da manhã no telefone dando atenção ao paciente que a gente sabia que estava naquele momento precisando mais dela do que nós. Minha mãe è uma mulher moderna, contemporânea, com três filhas, três netos, dois casamentos e uma profissão que ela è apaixonada. (Agora chegou aquela hora do texto que eu continuo a escrever emocionada.) Morro de orgulho, de amor e gratidão por ela. Mãe, por causa desse maldito covid-19, este será seu primeiro aniversário que eu não vou poder te dar um abraço apertado, sentir seu cheiro e te agarrar. Mas tudo bem, estamos juntas combatendo este inimigo invisível para já já rir das angústias desse momento que nem Freud seria capaz de dar conta! @liliannobretrancoso

A post shared by Fernanda Nobre (@fenobre) on



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here




site statistics