Isis Valverde / Instagram

A atriz Isis Valverde acabou se envolvendo em uma grande polêmica nesta sexta-feira (14), e precisou se explicar nas redes sociais.

Nesta manhã ela acabou se atrapalhando quando foi comentar a morte do menino Rhuan, que foi assassinado pela própria mãe e sua companheiro. O crime aconteceu no último dia 31, em Brasília.

No post, ela compartilhou uma imagem que mostrava o símbolo feminista esmagando o corpo de uma criança ensanguentada. Isis apagou a imagem, mas mesmo assim ela foi muito criticada e muitos internautas criticaram a postura da artista, que em uma outra ocasião chegou a usar uma camiseta que dizia “We should all be feminists”, frase famosa da escritora Chimamanda Ngozi Adichieque quer dizer “deveríamos todos ser feministas”.

Ela foi bastante criticada e até chamada de hipócrita. “Que triste ver uma figura pública e influenciadora fazendo uma associação porca entre o feminismo e a barbárie que fizeram com o garoto. Absurdo e difícil de acreditar. O feminismo, movimento que só tem lhe favorecido, não tem absolutamente nada a ver com o crime, assim como a orientação sexual das autoras. A índole sim. Que absurdo, Isis. Vergonha alheia…”, disse uma internauta.

Veja o post:

Isis Valverde / Instagram

A explicação

Mais tarde, Isis Valverde usou o stories do Instagram para se explicar sobre a polêmica e se defender dos diversos ataques que recebeu na web.

“Sobre o Story que apaguei, queria esclarecer que sou totalmente pró-luta por direitos equânimes entre homens e mulheres, apoio e sempre apoiarei incondicionalmente o movimento feminista. Gostaria de explicar que postei a ilustração errada sem querer e peço desculpas por isso!”, disse ela aos seguidores.

Veja:

Isis Valverde posta explicação na web / Instagram

Veja também: 



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here