Luis Ernesto Lacombe / Foto Reprodução YouTube

O repórter Luis Ernesto Lacombe decidiu falar pela primeira vez sobre a sua saída da TV Globo, que aconteceu em 2017.

Durante uma entrevista ao canal do YouTube da apresentadora Antonia Fontenelle, o ‘Na Lata’, o apresentador esclareceu sua saída da emissora e revelou que não foi de comum acordo.

Luis Ernesto Lacombe abre o jogo sobre polêmica ao vivo com Silvia Poppovic

“Não pedi as contas, eu fui demitido. O termo técnico não é esse, mas podemos dizer que sim porque eu era pessoa jurídica”, afirmou ele.

Lacombe ainda disse durante o bate-papo que foi pego de surpresa com o anuncio da sua saída. “Foi. Eu não vou dizer que estava preparado, mas se acontecesse eu ia entender. Meu contrato ia vencer em maio de 2017. No meu último dia de trabalho, em janeiro de 2017 apresentei o Bom Dia Brasil, fui pra reuniões e fui chamado para outra, com o diretor executivo do esporte e ele anuncia com o os olhos cheios d’água e diz que ia ter uma série de cortes”, afirmou ele.

O apresentador ainda negou que a sua saída da Globo tivesse alguma relação com a cobertura da tragédia com o avião da Chapecoense, no final de 2016, como foi noticiado na época.

Lacombe dispara contra TV Globo sobre reportagem de Bolsonaro: “Tem que trabalhar com a verdade”

“Tem gente que diz que eu fui demitido porque chorei na tragédia da Chapecoense. Não tem nada a ver. Naquele dia eu seguro até o último momento”, disse ele. “A gente foi sabendo as notícias ao longo do Bom Dia Brasil que foi estendido até as dez da manhã e tinha um monte de gente conhecida”, afirmou ele.

Para finalizar a conversa, Lacombe ainda fez um desabafo. “Eu virei custo. Eu sempre fui conhecido por ser um cara disciplinado, competente”, disparou ele.

Assista ao vídeo completo: 



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here