No ‘The Noite’, Danilo Gentili debocha de prisão e alfineta Fábio Porchat

Durante o programa, Danilo Gentili debochou da prisão e ainda alfinetou humorista que era concorrente. Veja!
Danilo Gentili – Foto: Reprodução/SBT

Durante a exibição do seu programa na noite desta última segunda-feira (15), Danilo Gentili fez questão de comentar à respeito da condenação a seis meses de prisão em regime semiaberto, por ter praticado injúria contra a deputada federal Maria do Rosário. A decisão, anunciada na semana passada, desde então repercutiu entre os internautas e as celebridades.

Juliana Oliveira, assistente de palco do ‘The Noite’, aparecia usando uma camiseta com o nome dela no lugar de Danilo, e o apresentador brincou: “Eu ainda estou livre, o programa ainda é meu”.

“Estão tentando me colocar na cadeia, todo mundo já sabe, e obrigado a todos que me apoiaram na internet, nas ruas. Até quem eu menos esperava apareceu na internet e me defendeu, dá uma olhada”, disse, remetendo aos nomes que chegaram a se manifestar à favor do humorista, incluindo o presidente Jair Bolsonaro. “Muito obrigado pelo seu apoio, Maria do Rosário. E eu nem precisei estuprar ninguém, hein?”, ironizou.

“Vou virar o Gugu ao contrário. Ele vai na cadeia entrevistar as pessoas, elas vão na cadeia para eu entrevistar”, debochou o contratado do SBT, que ainda exibiu memes à respeito do assunto, e não perdeu a oportunidade de alfinetar outros humoristas, como Fábio Porchat, que chegou a critica-lo pelo fato de ter gravado um vídeo rasgando a notificação extrajudicial do processo.

“Teve aqueles apoios de comediante que quer agradar militância, que defendiam e falavam mal de mim para agradar o movimento político que me censurou”, disparou ele, que ainda emendou: “Vou pedir a vocês comediantes que ficam com medinho de desagradar militância política: não me defendam, tá bom? Não precisa”, concluiu, sendo ovacionado pela plateia.

Entenda o caso

Danilo Gentili / Instagram

Danilo Gentili, o apresentador do programa do SBT, The Noite, foi condenado a seis meses e 28 dias de prisão em regime semiaberto pela 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo.

O motivo da condenação do humorista é por causa de uma injúria que ele cometeu à Deputada Federal Maria do Rosário Nunes. Gentili poderá recorrer a sentença em liberdade… Saiba mais!