Curiosas, algumas pessoas se aproximam do corpo de Firmina. Patrícia se diz inocente, mas todos a olham acusatoriamente. Ela decide correr e vai para seu carro. Chorando, ela liga para o promotor e conta que a catadora de lixo foi morta. Franco liga para Rita e conta que Firmina foi eliminada. Ele cobra seu pagamento. Policiais se aproximam do corpo da catadora de lixo. Eles encontram a carteira de Patrícia que foi deixada no local. Dila diz a Regina que vai apoiá-la durante sua fuga. Policiais vão até a casa de Patrícia para levá-la na delegacia. Ela resiste à prisão e acaba sendo algemada. Miguel chora bastante. Dila e Lucia temem pelo plano de fuga de Regina, mas afirmam que já é tarde para desistir. Guilherme diz a Francisco que Patrícia foi presa sob a acusação de assassinato. Rita tenta envenená-lo contra a ex-namorada. Nelize, Edmundo e Marcolino se sentem incomodados. O milionário decide buscar Miguel. Lucia e Dila tentam evitar, mas Francisco leva o filho da casa de Patrícia. Rita liga para Zeca, o presidiário, e conta que Firmina foi morta. Regina e Patrícia ficam na mesma cela. A jovem conta que caiu em uma armadilha de Rita e chora nos braços da mãe. Nelize fica tensa ao ver Miguel nos braços de Rita. Ela convence a dançarina de que precisa colocar a criança no berço e Francisco concorda. Adalberto se irrita ao ouvir de Zizi que Patrícia matou Firmina. Ele grita, perguntando se existem provas e todos estranham. Juliana chora ao descobrir que sua amiga está na delegacia. Raimundo a conforta e os dois acabam se beijando. Patrícia fica arrasada ao imaginar que Miguel pode estar nos braços de Rita. Regina diz à filha que vai fugir durante a madrugada e a chama para acompanhá-la.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here