Lo-Hanna Magnavita – Reprodução/YouTube

Um dos nomes principais da afiliada da Record no interior da Bahia, a jornalista Lo-Hanna Magnavita foi afastada do cargo de apresentadora após ter sido alvo de repercussão nas redes sociais devido um vídeo em que seu marido se envolveu numa confusão com um polícial militar.

+ CNN Brasil é alvo de disputa entre famosos jornalistas

+ Rodrigo Bocardi toma atitude nos bastidores após revelação ao vivo de jornalista

O flagra foi feito na última terça-feira (27), em Itabuna, próximo a Salvador. No vídeo, a profissional registrou um policial tentando prender em flagrante um jovem que roubou biscoito de um mercado da região. Sob ajuda do marido, ela denunciou a atitude do PM, que acabou agredindo o jovem enquanto ele já estava algemado. No entanto, o homem começou a discutir com o esposo da jornalista, motivando ela a filmar o momento que possui cenas de agressões e uma discussão repleta de xingamentos.

O marido de Lo-Hanna e policial continuaram discutindo, até que o policial deu um soco no rosto do marido, deixando a jornalista apavorada e sem reação, pedindo para que o companheiro não reagisse diante da autoridade. O PM e o marido dela voltam a brigar, e o vídeo termina com Lo-Hanna pedindo ajuda da polícia.

Devido a repercussão, a jornalista alterou a privacidade das suas redes sociais, e a Associação dos Policiais e Bombeiros do Estado da Bahia (Aspra) divulgou nota defendendo a ação do policial militar, e por decisão da emissora, a profissional foi afastada das suas atividades por tempo indeterminado, afim de proteger sua imagem. Procurada pela reportagem sobre o assunto com a RecordTV Cabrália, até o fechamento da matéria, não houve um manifesto. Com informações do portal Observatório da Televisão.

Record enfrenta dificuldades no lançamento de novo jornal

Record parece não estar passando por uma situação muito boa com a sua grade de programação. Enquanto alguns formatos têm feito sucesso, a tentativa da emissora em lançar novidades está sendo dificultosa um tanto demais.

De acordo com informações do jornalista Flávio Ricco, do portal UOL, a emissora já havia anunciado o lançamento de uma espécie de segunda edição do ‘Jornal da Record’, batizada de ‘JR – 24 Horas’, programada para a segunda semana de setembro. Saiba mais!

Veja também:

Luiz Bacci é ameaçado de morte; jornalista comenta o caso



3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here