Ilustração Sertanejo - Silhueta
Ilustração Sertanejo – Silhueta

Só quem já perdeu uma pessoa querida, sabe a dor que tudo isso causa, desde a notícia da morte, até o momento do enterro! Nessa última quinta-feira (16), familiares, amigos e fãs passaram por essa tristeza ao velarem o corpo de um ícone da música sertaneja.

Cantor sertanejo morre após capotar caminhonete no interior de São Paulo

No último dia 04 de abril, o músico havia completado 82 anos e ainda não há informações oficiais sobre a causa de sua morte, que ocorreu neste último dia 16. O ex-produtor musical do artista, Clodoaldo de Moraes, conversou com o G1 e lamentou a triste perda: “Sentimos a perda porque ele deixou uma história maravilhosa, com uma dupla que até hoje é referência no sertanejo”.

O corpo foi velado no bairro de Santana, no Cemitério Chora Menino, na noite desta última quinta-feira, até a manhã desta sexta, antes de seguir para a cerimônia de cremação no Crematório da Vila Alpina, na Zona Leste da capital paulista, que ocorreu por volta das 10h40.

O querido cantor em questão, é o Léu da dupla com Liu.

A dupla de sertanejo raiz Liu & Léu ganhou fama nos anos 70 com sucessos como “O Ipê e o Prisioneiro (Ipê Florido)” e “Dona saudade”. A dupla interrompeu a carreira de 53 anos no ano de 2012, com a morte de Liu. Léu seguiu fazendo shows com o irmão Lourenço.

Morte

Léu – Reprodução: Instagram

Com mais de 60 anos de carreira, sucessos e muitas histórias para contar, a música brasileira perdeu mais um ícone, que já foi indicado ao Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Regional.

A informação da morte do músico foi divulgada pela página oficial da dupla sertaneja, Gilberto e Gilmar. Na publicação, a dupla lamentou a morte e deixou claro que o papel do artista havia sido cumprido… Saiba mais detalhes!

Confira também:

Sertanejo Daniel lamenta morte: “Vai deixar saudades”



2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here