fbpx

Tiee e Ferrugem arrecadam 40 toneladas de alimentos em live

Confira aqui tudo o que rolou nessa live histórica!

Sertaneja Naiara Azevedo enfrenta crise financeira devido ao coronavírus e demite funcionários

A sertaneja precisou tomar uma decisão nesse momento em meio a pandemia do coronavírus.

BBB20: Hadson solta fogos em comemoração a eliminação de Marcela

O ex-BBB soltou fogos pós a eliminação da médica ginecologista.

Sertaneja Marília Mendonça comemora, antes de Live começar ela já tinha 1 milhão de acessos

A sertaneja usou as redes sociais para comemorar o número de seguidores que já estavam a espera de sua Live.

Giovanna Ewbank revela torcer para saída de sister no BBB20

Quem será que a loira quer ver fota da casa mais vigiada do país? Confere aqui!

Mayra Cardi mostra toda a fofura da filha e encanta os fãs na web

Confira os momentos de fofura que Mayra Cardi compartilhou de Sophia.

Ex-bailarina do Faustão relembra dificuldades em trabalhar no programa: “Fui ameaçada”

-

Fausto Silva – Reprodução/Globo

Geralmente o apresentador Fausto Silva é muito criterioso para selecionar as moças que integram o seu quadro de bailarina. Não é à toa que as dançarinas do ‘Domingão do Faustão’ carregam com si inúmeros talentos e grandes artistas já passaram por lá, vide Aline Riscado e Carla Prata.

+ Faustão lamenta auditório vazio por conta do coronavírus

- Publicidade -

Outra bailarina do Faustão que carrega um grande talento é Daya Luz. A paulistana agora, desde que deixou o grupo de moças, se arrisca no cenário musical. No entanto, se você pensa que a passagem dela pelo dominical foi assim tudo de bom, está enganado. Em conversa com a Revista Quem, a famosa comentou como foi trabalhar com Fausto Silva:

+ Ao vivo, vaza áudio de Faustão durante interação com auditório e divide opiniões

- Publicidade -

Por vir de uma vida simples, ela, ao integrar o balé do programa, ela passou a ser mal vista em sua comunidade. Quando estava com as bailarinas, ela se sentia excluída por vir ‘da quebrada’:

“Eu me sentia meio que um peixe fora d’água, por que na quebrada eu era excluída e às vezes até sofria ameaças por me verem como uma patricinha, já que eu pensava e me comportava diferente das meninas de lá. Já nos outros ambientes, eu era discriminada por ser taxada como a garota de comunidade, inclusive por algumas meninas, que não formam a maioria, do balé do Faustão, na época em que eu integrava o time. Foi bem difícil me encontrar em meio a tudo isso, mas nunca me fiz de vítima. Isso não é uma característica minha. Também nunca deixei de acreditar nos meus sonhos. Sabia que me encontraria na música”, disse.

+ Globo volta atrás com antiga decisão arriscada tomada sobre o ‘Domingão do Faustão’

A ex-bailarina do Faustão desabafou: “Estar definitivamente sozinha, sem ninguém que eu pudesse confiar de fato. Eu tinha medo de algo acontecer comigo e não saber pra quem pedir ajuda”, disse ela, que agora se arriscou no cenário musical e está mudando tudo isso: “Consegui mudar minha realidade acreditando em mim. Quero é fazer um trabalho bem feito, de qualidade e admirável!”.

Victor Ariolihttps://www.areavip.com.br/
Jornalista e redator do portal Área VIP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você por dentro!




site statistics