Luciano Camargo e Cleo Loyola / Reprodução: Internet

Mais uma polêmica envolvendo a família Camargo, e dessa vez o capítulo ganhou uma grande reviravolta.

Cleo Loyola, ex-mulher do sertanejo Luciano Camargo e mãe de Wesley, primogênito do cantor, resolveu fazer um desabafo através de um vídeo no youtube.

Na postagem, ela revelou que foi agredida três vezes pelo filho. “Eu estava no apartamento dele que o Luciano pagava o aluguel. Estava tendo um churrasco e ele bebeu demais com os amigos e começou a discutir comigo. E ele me bateu muito, me espancou muito. Wesley me espancou três vezes. Em uma das vezes ele tentou me matar, e da última vez ele bateu tanto na minha cara e na minha boca que essa liguinha aqui (que tem entre o lábio e a mandíbula inferior) arrebentou”, contou ela.

Após notícia sobre agressão à mulher, briga entre Luciano Camargo e Wesley é exposta – Saiba mais!

Ainda durante o vídeo, Cleo Loyola confirmou que Wesley foi preso por agredir a tia, Marlene, e informou que ele também possui passagens pela Lei Marinha da Penha.

A ex-mulher de Luciano aproveitou o desabafo para se redimir com o cantor: “Se eu errei, Luciano, me perdoe. Wesley me ligava todos os dias para que eu ficasse falando (do Luciano e de sua mulher, Flávia Fonseca) nas redes sociais. Você conhece o filho que a gente tem. Eu tenho 44 anos e tenho que assumir o que eu fiz e reconhecer os meus erros. Quero que me perdoe por tudo que aconteceu”, ressaltou ela.

Confira o vídeo na integra: 

Mileide Mihaile se manifesta após nova confusão com Wesley Safadão

Cleo Loyola detona o ex

Depois de expor o cantor Luciano Camargoexibindo uma foto onde ele aparece beijando outro homem, e afirmando que ele é gay, a ex–mulher do artista, Cleo Loyola, que tem um filho com o músico, voltou a detonar o mesmo em sua rede social.

Já em vídeos gravados por ela, e publicados em seu feed no Instagram, Cleo faz um novo desabafo, e conta que já foi agredida diversas vezes pelo artista. Confira o vídeo!

Veja também: 

Zilu acusa o ex Zezé Di Camargo de ameaça e coação, diz colunista



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here