sábado, 4 de dezembro de 2021

Últimas

Famosas protestam contra veto do presidente que acaba com distribuição de absorvente para mulheres carentes

-

Núcia Ferreirahttps://www.areavip.com.br/
Jornalista carioca com passagens pelas revistas Conta Mais, TV Brasil e TV Novelas. No site Área VIP, além de redatora, é repórter especialista em Celebridades, TV e Novelas.

Comente

Veja também

- Continua após o Banner -

Claudia Raia, Giovanna Antonelli e Paolla Oliveira – Instagram

- Continua após o anúncio -

Várias artistas usaram as redes sociais para protestar contra o presidente Jair Bolsonaro depois do veto à distribuição gratuita de absorventes para mulheres em situação de vulnerabilidade e baixa renda. O veto do presidente foi publicado nesta quinta-feira (07) no Diário Oficial da União.

Em seu perfil no Instagram, Claudia Raia fez um texto explicando a necessidade da distribuição do absorvente para mulheres carentes. “Menstruação é uma questão de saúde pública, ter acesso a produtos menstruais é um direito e uma necessidade de higiene básica. O que infelizmente acontece nesse país, é que boa parte das pessoas que menstruam não possuem recursos financeiros para comprar absorventes e/ou ter acesso a saneamento básico. Você consegue imaginar o risco a saúde ginecológica? Estamos falando de riscos infecções, esterilidade e outras doenças. Ou seja, são direitos humanos em jogo, o governo vetar a distribuição gratuita de absorventes a quem mais precisa é, negar o direito de dignidade e saúde pública”, escreveu a atriz.

Rafael Zulu protesta contra racismo após situação lamentável: “não vamos nos calar”

- Continua após o anúncio -

Marcella Rica usou os stories do Instagram para protestar. Ela compartilhou um post de Thalita Rebouças. “Que absurdo! dignidade menstrual precisa existir para todos!”, escreveu a artista.

- Continua após o anúncio -

Giovanna Antonelli compartilhou um texto de Carolina Delboni, do Estadão, como forma de protesto. “Precisamos falar sobre o ciclo da pobreza menstrual! Infelizmente, uma realidade no nosso país. Pessoas que muitas vezes não tem renda suficiente para comprar absorventes ou ter acesso a banheiros e saneamento básico. Esse é um problema de saúde pública!!!!!! Além disso tem o risco de desenvolverem infecções ginecológicas, até a esterilidade. Foi vetada, pelo governo, a distribuição de absorventes e com isso, muitas pessoas vulneráveis vão ser atingidas. Iniciativas privadas em prol dessa causa existem, mas ainda não é suficiente. Dignidade menstrual não é luxo, ter direito e acesso a produtos menstruais é direito humano!!!!!! Via: @carolina_delboni • @estadao”, legendou.

Ex-BBB Marcela Mc Gowan é vacinada e faz protesto contra o Bolsonaro

Confira:

Paolla Oliveira também fez textão em seu protesto. Em um trecho da publicação, ela questionou sobre desvios de verbas. “Vocês estão acompanhando as notícias sobre paraísos fiscais e etc? Sobre desvios de verba de vacina? Sobre milhões gastos em remédios comprovadamente ineficazes para certas doenças? Estão acompanhando também que hoje foi vetado pelo Bolsonaro, um projeto de distribuição de absorvente íntimo para pessoas em situação de rua, estudantes de baixa renda e outras pessoas em situação de vulnerabilidade, com o argumento de que “não previu fonte de custeio para essas medidas”. Pois é… Não há previsão de verba para um item básico de necessidade concreta e mensal na vida de milhões de pessoas”, escreveu em um trecho da legenda.

Confira:

- Continua após o anúncio -

+ Novidade: Área VIP no Telegram – Clique Aqui e fique por dentro!

E tem muito mais para você: Baixe o app Área VIP – TV e Famosos ou siga o Área VIP no Google Notícias e receba as informações mais quentes do entretenimento com tudo o que acontece no mundo da TV e dos FamososClique Aqui!

Núcia Ferreirahttps://www.areavip.com.br/
Jornalista carioca com passagens pelas revistas Conta Mais, TV Brasil e TV Novelas. No site Área VIP, além de redatora, é repórter especialista em Celebridades, TV e Novelas.

Últimas TV & Famosos