Leticia Colin / Instagram

Nesta terça-feira 15 de outubro é celebrado o ‘Dia do Professor’ e para falar sobre essa data especial, a atriz Leticia Colin compartilhou em suas redes sociais uma foto dos seus pais, Analdina e Zelio, que foram professores e sempre foram muitos dedicados a profissão.

A artista aproveitou a oportunidade para homenageá-los e afirmou que eles sempre fizeram de tudo para passarem conhecimentos a vários alunos. Além disso, Colin contou que eles sempre foram muitos queridos e ressaltou que sente muito orgulho deles, e de tudo que eles fizeram por onde passaram.

Nathalia Dill ganha uma homenagem inusitada de fã de sua personagem Fabiana

“Nasci desse casal de professores. Analdina e Zelio. Eles deram a vida pelos alunos e pela escola em rotinas de 60 aulas semanais. Escola pública, colégio privado. Filhos seus entre os alunos, alunos virando filhos. Quem os conheceu, venera. Daquele tipo de professora, professor inesquecível. Nasci amando educação. Essa relação potente de incentivo e cuidado entre gerações”, começou a atriz.

“Respeito fundamental a essa função que hoje segue sendo sucateada, humilhada, esquecida. Professores são a família pública. Que se mistura com a privada, que tece e fortalece corações e pensamento crítico. Obrigada, pai e mãe, e parabéns pelo seu dia! Amo vocês e tenho maior orgulho de ouvir cada história de campeonato…”, finalizou.

Jornalista Maria Beltrão emociona com homenagem ao pai falecido: “26 anos de convivência com esse pai-herói”

Leticia Colin, vale lembrar, está à espera do seu primeiro filho, fruto do seu relacionamento com o ator Michel Melamed. Ela está prestes a entrar no oitavo mês de gestação e já revelou que o herdeiro se chamará Uri. Recentemente a atriz aproveitou para fazer uma reflexão sobre a gestação.

“Gestante precisa de escuta, presença, paciência, acolhimento, conversa, abraço, sossego, passeio, ajuda com um travesseiro, ambiente fresquinho, deixar as lágrimas pularem, alguma história boa pra distrair o medo, a ansiedade, banho gostoso, chinelo pra não escorregar, um buscopan na manga, um creme pra passar na barriga e às vezes alguém pra espalhar porque tudo cansa! Ajuda pra amarrar o tênis. Alguém que ofereça carregar sua sacola. Um sorriso. Um café descafeinado. Alcançar algo que caiu no chão”, concluiu ela.

View this post on Instagram

Nasci desse casal de professores. Analdina e Zelio. Eles deram a vida pelos alunos e pela escola em rotinas de 60 aulas semanais. Escola pública, colégio privado. Filhos seus entre os alunos, alunos virando filhos. Quem os conheceu, venera. Daquele tipo de professora, professor inesquecível. Nasci amando educação. Essa relação potente de incentivo e cuidado entre gerações. Respeito fundamental a essa função que hoje segue sendo sucateada, humilhada, esquecida. Professores são a família pública. Que se mistura com a privada, que tece e fortalece corações e pensamento crítico. Obrigada, pai e mãe, e parabéns pelo seu dia! Amo vocês e tenho maior orgulho de ouvir cada história de campeonato… Coloquei nos stories algumas educadoras potentes que fizeram história ✨ Está imperdível ❤

A post shared by Leticia Colin (@leticiacolin) on



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here