Tino Marques / Foto Reprodução: TV Globo

O repórter Tino Marcos decidiu pedir uma licença do seu trabalho como repórter na Rede Globo. Um dos profissionais esportivo mais experiente da emissora, ele que cobriu a Copa América no Brasil, decidiu tirar os próximos meses para descansar.

Com uma licença não remunerada, o jornalista só voltará a TV em janeiro de 2020, como confirmou a comunicação da Globo. Essa não é a primeira vez que Tino pede licença. Em 2015, ele tirou um ano sabático para se dedicar à família e aos estudos e voltou ao trabalho em 2016, com uma entrevista exclusiva com Rafael Nadal no Esporte Espetacular.

Segundo o portal UOL, o clima na emissora carioca não é dos melhores. Há muito insatisfação com algumas decisões tomadas pela direção, como a redução de salários e a saída de outros repórteres como Mauro Naves, o que deixou a redação de esportes com a sensação de insegurança.

Ainda de acordo com a publicação, a emissora acena com uma nova redução, ao querer passar os profissionais para o regime de CLT. Além disso, há casos em que profissionais mais jovens têm saído com câmeras para gravar reportagens, o que os veteranos já avisaram que não vão fazer.

Após 11 anos, Mari Palma se despede da Rede Globo

Marcos Uchôa fala sobre pedido de licença

Marcos Uchôa / Foto: Reprodução SporTV

Na última semana muitas pessoas foram surpreendida com o pedido de licença feito pelo repórter Marcos Uchôa, da TV Globo.

Nesta última segunda-feira (15) ele participou do programa ‘Redação’, do canal a cabo SporTV, e além de comentar as notícias do dia do mundo esportivo, ele aproveitou o espaço para falar sobre os motivos que o levou a pedir licença da empresa.

Segundo Uchôa, não há insatisfação com seu trabalho, e a decisão foi tomada para passar mais tempo com sua família. Veja o que ele disse!

Veja também:



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here