A briga acaba com a festa de casamento. Joventino está desesperado por ter tirado a vida de uma pessoa. Zé Leôncio tenta tranqüilizar o filho dizendo que ele agiu em legítima defesa. Enquanto iss ... Leia mais:

A briga acaba com a festa de casamento. Joventino está desesperado por ter tirado a vida de uma pessoa. Zé Leôncio tenta tranqüilizar o filho dizendo que ele agiu em legítima defesa. Enquanto isso, na fazenda vizinha, Marcelo tenta reanimar o peão que continua desacordado. Logo depois chega a notícia de que Alcides não morreu e Joventino se sente aliviado. Na noite de núpcias, Tibério não consegue nada com a “muda” e se decepciona. Alcides, inconformado com a surra que levou, diz a Tadeu que vai matar seu irmão, Joventino. Passado o susto, Zé Leôncio está orgulhoso com a coragem do filho. Zé Lucas começa a se interessar por Erika. Filó aconselha Juma a desistir da idéia de viver na tapera e prometa fazer dela uma dona de casa. Juma se assusta com a possibilidade de perder a liberdade. Zé Leôncio aconselha a sogra a vender suas propriedades no Rio de Janeiro e viver no Pantanal. Zé Lucas leva a repórter até a prainha, pinta um clima entre eles e os dois se beijam. Tenório fica sabendo que Joventino está jurado de morte e promete terras ao peão se também matar José Leôncio.






DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here