Danilo Gentili (Foto: reprodução SBT)

As polêmicas envolvendo Danilo Gentili não param mesmo! Nos últimos dias, o apresentador foi condenado em regime semiaberto após ter feito declarações ofensivas à deputada federal Maria do Rosário, em meados de 2016. Quatro anos depois, a condenação foi decretada, e o humorista chegou a debochar do caso.

Apoiado por inúmeras celebridades como os humoristas Whindersson Nunes e Tom Cavalcante, a apresentadora Antonia Fontenelle, e até o Presidente da República Jair Bolsonaro, nesta sexta-feira (12), o comandante do ‘The Noite’ foi condenado novamente, desta vez por uma ação movida pelo deputado federal Marcelo Freixo, pela 26ª Câmara Cívil do Rio de Janeiro.

Danilo Gentili e Marcelo Freixo (Foto: Montagem)
Danilo Gentili e Marcelo Freixo (Foto: Montagem)

A decisão, no entanto, não exige prisão, mas uma indenização em torno de R$ 20 mil pela prática de ofensa, injúria, difamação e danos morais. O processo na época aconteceu ainda quando Freixo era deputado estadual do Rio de Janeiro. Gentili comentou uma reportagem da coluna Radar, da revista Veja, em que a ex-mulher do político o acusava de praticar machismo.

No post, publicado em maio de 2017, o humorista dizia: “Pô, Marcelo Freixo. Você é uma farsa mesmo, hein seu merda. Aproveitando… E seus Black blocs? Mataram mais alguém esses dias?”. De forma previsível, a publicação tomou uma grande repercussão, e houve divisão de opiniões entre os internautas à respeito do comentário do artista.

Danilo Gentili tira sarro após ser condenado à 6 meses de prisão

Nesta última quarta-feira (10), o apresentador Danilo Gentili acabou recebendo uma notícia nada boa. Ele foi condenado pela Justiça à seis meses e vinte e oito dias de prisão, em regime semiaberto, por conta de injúria praticada contra a deputada federal Maria do Rosário Nunes, que é do Partido dos Trabalhadores do Rio Grande do Sul.

O caso aconteceu no ano de 2016, onde Danilo publicou mensagens ofensivas sobre Maria do Rosário em sua rede social. Danilo chamou à política de ‘nojenta’, ‘falsa’ e ‘cínica’.

Logo após tomar conhecimento da sua condenação, Danilo usou o seu Twitter para tirar sarro da situação: “Quem vai me levar cigarro?”, perguntou ele, que em seguida mencionou o juiz Sérgio Moro: “Pô, Moro, me ajuda aí irmão. Fico devendo uma”Veja mais!

Veja também:

BBB19: Paula pode ser presa, caso seja condenada por preconceito



3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here