Gabeu e Solimões / Instagram

Há poucos meses, o cantor assumidamente gay Gabeu, que é filho do sertanejo Solimões, da dupla com Rio Negro ganhou destaque em toda a mídia ao lançar seu hit ‘Amor Rural’. O fato ganhou ainda mais notoriedade após o músico apelidar o seu estilo musical de ‘Pocnejo’, uma junção do gênero com uma gíria muito popular no meio LGBT.

+ Após lançar primeira música, filho gay de famoso cantor sertanejo comemora sucesso na web

Em conversa com o portal GCN, da região de Franca, interior de São Paulo, o filho do cantor sertanejo Solimões abriu o jogo sobre a relação com sua família. Questionado sobre o contato que tem para o pai:

+ Filho gay do sertanejo Solimões faz revelação sobre o pai: “Assumiu antes de mim”

“Eu sou muito privilegiado por ter um pai mais aberto em relação a algumas coisas do que outros pais. Eu nunca tive grandes problemas com ele que envolvessem a minha orientação sexual. Uma vez ou outra temos alguns desencontros de ideias, pelo fato de sermos de gerações diferentes, contextos sociais diferentes, estarmos envolvidos com pessoas diferentes e realidades diferentes, mas conseguimos dialogar. Um ponto muito positivo do meu pai é que ele é muito interessado na minha vida de uma forma genuína, de realmente ter interesse em saber o que se passa, o que eu estou fazendo, o que estou sentindo”, disse Gabeu, ressaltando a qualidade do pai em aceitá-lo tranquilamente.

+ Filho gay de sertanejo famoso conta como foi revelar sua orientação sexual ao pai

O cantor também falou sobre sua descoberta e a reação da família ao assumir: “Não houve um momento em que eu me descobri gay. Foi um processo que começou desde criança, de ir me percebendo diferente do que me era imposto. Aos 16 anos eu me assumi para minha família e com eles foi muito tranquilo. Eu tive mais conflitos internos do que problemas familiares. Era muito mais uma luta comigo mesmo do que com o que estava ao meu redor”, disse.

Veja também:

Cantor sertanejo faz desabafo sobre preconceito e dispara: “Não me enxergo nesse meio”



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here