Walcyr Carrasco (Foto: TV Globo)
Walcyr Carrasco, ‘coringa’ da Globo atualmente (Foto: TV Globo)

A Netflix anunciou que irá realizar a produção de novelas originais para sua plataforma nos próximos anos. Com planos de iniciar as produções no ano que vem, o serviço promoverá um investimento milionário em produções de conteúdo brasileiro para 2020. Para reforçar e colocar em prática a ideia de folhetins, o alto escalão está cogitando a contratação de autores tidos como verdadeiros medalhões da dramaturgia brasileira.

+ Leandro Hassum é o novo contratado da Netflix

Segundo informações do portal NaTelinha, o serviço via streaming de grande porte reforçou a ideia após a boa aceitação do público com o seriado ‘Coisa Mais Linda’. Com um conceito semelhante ao das novelas das seis exibidas na Globo, a produção foi bem vista e ganhou até mesmo uma nova temporada a ser veiculada no próximo ano.

+ Na Record, Bolsonaro faz proposta curiosa para a Globo em meio a novas polêmicas

Segundo o apurado, as intenções da plataforma são de produzir tramas mais curtas, em torno de 50 capítulos, com estilo e linguagem diferente do visto no canal da família Marinho. Para o projeto arriscado, a Netflix estaria com planos do anúncio da contratação de um grande nome do segmento, e a regalia é única: adaptação ao plano de trabalho que se pretende lançar no Brasil para as novelas. Em torno de quatro nomes estão cotados, sendo pelo menos dois deles ainda em contrato com a Globo.

+ Ator da Globo sofre com pressão interna para ‘sair do armário’

Por falar nisso, a Platinada anunciou recentemente a produção de ‘Verdades Secretas 2’. Inicialmente planejada para ir ao ar para marcar o retorno da faixa de novelas das onze – ou mais conhecida como ‘superséries’ -, o canal encomenda a exibição na íntegra do enredo de Walcyr Carrasco na sua plataforma, o GloboPlay, e no ano seguinte, mais precisamente em 2021, trazendo ao ar para as telinhas.

Em simultâneo, o remanejamento de ‘O Selvagem da Ópera’, de Maria Adelaide Amaral para a faixa das seis, daqui a alguns anos, servirá como uma espécie de teste para um formato a ser estudado pela emissora, que acredita que terá produtos de maior qualidade, sem a famosa “barriga” ou “enchimento de linguiça”, que já veio a ocorrer em inúmeras tramas da casa no passado.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here