Clóvis Rossi – Reprodução

A comunicação brasileira perdeu um grande nome na madrugada desta sexta-feira (14). Isso porquê, o jornalista Clóvis Rossi nos deixou após ter sido vítima de um infarto. Ele, que estava no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, permaneceu internado desde a última sexta-feira (7).

O quadro de saúde do cantor estava estável, e já em ritmo de recuperação, entretanto, de acordo com informações do site G1, ele voltou a passar mal ao ter voltado para casa, conforme sua filha, Cláudia, relatou ao ser procurada. Um dos componentes do jornal Folha de São Paulo, Clóvis atuava por lá como colunista desde meados de 1980.

Inclusive, em sua coluna da Folha, ele explicou o motivo de não ter publicado no último domingo (9), um dos dois dias no qual escrevia. “É uma satisfação devida ao leitor, se é que há algum. Sofri um micro-infarto na sexta (7), fiz a angioplastia, recebi um stent e, na terça (11), outra angioplastia, com mais quatro stents. Tudo correu perfeitamente bem, graças à extraordinária eficiência e rapidez de atendimento do hospital Albert Einstein, tanto em seu pronto-socorro no Ibirapuera como no próprio hospital, no Morumbi”, escreveu, num trecho da nota publicada. O corpo do jornalista será velado a partir das 16h da tarde de hoje, no Cemitério Gethsêmani, no Morumbi, zona sul da capital paulista.

Trajetória

Nascido em 25 de janeiro de 1943, Clóvis começou a trabalhar no ramo ainda em meados da década de 60, e esteve em outros jornais, como O Estado de São Paulo, Jornal do brasil, Correio da Manhã, e nas revistas Isto é e Autoesporte, por exemplo. Além disso, atuou como editor-chefe do Estadão, e correspondente em Buenos Aires e Madri, através da Folha. Prestigiado, foi vencedor de estatuetas importantes do jornalismo na América Latina: Maria Moors Cabot, da Columbia University, e o da Fundação para um Novo Jornalismo Iberoamericano.

+ Após polêmica com Marquezine, Carla Diaz anuncia que viverá criminosa Suzane von Richthofen nos cinemas

+ Após internação de emergência da filha gêmea, marido de Ivete Sangalo se pronuncia sobre sufoco

+ Jogador do Flamengo é acusado por parente de não assumir filho nas redes sociais e realizará teste de DNA

Morre atriz mexicana Edith Gonzales aos 54 anos

Edith Gonzalez/Instagram
Edith Gonzalez/ Instagram

A estrela Edith González que fez várias novelas mexicanas que foram exibidas no Brasil, pelo SBT, faleceu no México nesta quinta feira (13), aos 54 anos. A informação foi inicialmente reportada pelo jornalista Álex Kaffie.

A atriz, perdeu a luta contra um câncer de ovário. “Faleceu Edith González. Deixa sua mãe (Ofelia Fuentes), um irmão, sua filha (Constanza) e seu marido, viúvo pela segunda vez, Lorenzo Lazo. Seus últimos trabalhos foram a peça de teatro Entre Mujeres e o programa de televisão Este é Meu Estilo. Descanse em paz”, escreveu o jornalista. Saiba mais informações!

Cantor sertanejo morre de infarto no interior de São Paulo

Ilustração - Silhueta Sertanejo
Ilustração – Silhueta Sertanejo

O mundo da música sertaneja recebeu uma triste notícia nesta última quinta-feira (6). Um cantor sertanejo morreu de infarto na cidade de Marília, no interior de São Paulo. As informações são do ‘Jornal do Povo’, veiculado na região.

O cantor sertanejo, que despontou na carreira no final dos anos 80, cantando com o sobrinho, além da música, teve um importante trabalho como coordenador da secretaria de Cultura de Marília e atualmente tinha uma empresa de Lava Rápido. Saiba mais!

Veja também:

Famoso cantor sofre grave acidente de carro com esposa e amigos no Nordeste



1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here