O Ministério Público do Estado de São Paulo instaurou um inquérito civil para apurar a exposição de crianças e adolescente em uma reportagem veiculada no "CQC". De acordo com a coluna Zapping do jornal Agora, no dia 30 de agosto, o programa da Band denunciou as apostilas usadas em uma escola pública de Alumínio (a 79 km de São Paulo), afirmando que o material traria erros. Na reportagem do quadro "Proteste Já!", Danilo Gentili apareceu na companhia de um burro, disse que o animal se chamava Marquinhos e que era aluno da instituição. A Promotoria deu um prazo de 30 dias para a prefeitura da cidade se manifestar. Procurada, a Band disse que ainda não foi notificada e por isso não se manifestaria.






DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here