‘Avenida Brasil’ – Reprodução/Globo

As últimas semanas foram de muita ansiedade e de uma verdadeira montanha-russa entre os noveleiros de plantão. Com ‘Por Amor’ em plena reta final em sua segunda reexibição, após inúmeros rumores, a Globo escalou ‘Avenida Brasil’ com a missão de manter ou até mesmo elevar os grandes índices marcados pelo folhetim.

+ Débora Falabella celebra volta de ‘Avenida Brasil’: “Louca para encontrar a Carminha novamente”

+ Ao vivo, apresentadora da Globo anuncia morte familiar e surge aos prantos

+ Após cancelar ‘Êta Mundo Bom!’, Globo toma decisão sobre reprise da novela

No entanto, engana-se quem acha que foi tudo decidido de forma pacífica. Isso porquê, foi preciso realizar inúmeras reuniões e rolou até caso de discórdia nos bastidores do canal, mais precisamente entre a cúpula de Dramaturgia e de Produção.

De início, ‘América’, de Glória Perez, havia surgido como uma sugestão para o ‘Vale a Pena Ver de Novo’, conforme noticiado aqui no seu Área VIP. No entanto, a direção de dramaturgia do canal estremeceu a escolha, vindo com suposições de um má desempenho semelhante ao da reapresentação de ‘Celebridade’ e ‘Belíssima’, ambas reapresentadas entre 2017 e 2018, respectivamente.

O impasse acabou trazendo duas novas encomendas em jogo: ‘Páginas da Vida‘ e ‘Êta Mundo Bom!’. De imediato, Silvio de Abreu, diretor da área, teria sido o maior torcedor na escolha pela obra de Walcyr Carrasco, enaltecendo o sucesso mais recente do horário das seis, e alegando que o público poderia rejeitar o dramalhão de Maneco, prejudicando-a para um desempenho melhor caso escalada num futuro próximo.

Entretanto, surgiu outro impasse: a diferença de tempo entre a exibição original e uma suposta reprise do folhetim – três anos. Ainda assim, acreditaram, e Sergio Guizé chegou até mesmo a rodar gravações especiais com uma chamada da volta da trama encarnado como o cominho, Candinho.

No sigilo, segundo informa o portal NaTelinha, a Globo já teria escalado ‘Avenida Brasil’ para a cúpula da edição, agilizando no processo, por via das dúvidas. Inicialmente, a reprise da obra de João Emanuel Carneiro havia sido programada para exibição em 2020, em pró das comemorações dos 55 anos da Globo, porém, em decisão inédita, Silvio Santos e Carlos Henrique Schroder, diretor geral da emissora, deram o veredito.

Veja também:

Saiba o verdadeiro motivo da Globo decidir trocar ‘Êta Mundo Bom!’ por ‘Avenida Brasil’



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here