Galvão Bueno / Instagram

A Rede Globo decidiu vencer aos patrocinadores de suas transmissões de futebol um pacote de posts patrocinados no Instagram. Nesta última terça-feira (3), a emissora lançou um plano comercial e pela primeira vez vai extrapolar suas próprias plataformas de TV e internet e oferecem ações comerciais nas “redes sociais dos influenciadores da Globo”.

Segundo o site Notícias da TV os pacotes de patrocínio do Projeto Futebol de 2020, custarão 307 milhões cada, R$ 3 milhões a menos do que o de 2019. Além disso, a Globo apresenta como “influenciadores” os locutores Galvão Bueno, que tem 829 mil seguidores no Instagram, Gustavo Villani (424 mil), e os apresentadores Felipe Andreoli (1 milhão) e Alex Escobar (818 mil) e o comentarista Caio Ribeiro (549 mil).

Ainda de acordo com a publicação, cada patrocinador terá direito a 30 stories e a oito posts no Instagram ao longo de 2020. O plano diz que “a definição dos talentos que participarão será feita pela Globo a partir do conteúdo e objetivos do cliente”. Talentos é como a emissora se refere aos profissionais escolhidos para se tornarem influencers.

Galvão Bueno fez o seu primeiro publi post nesta última segunda-feira (2), mas vale lembrar que a ação não teve nada a ver com o pacote de futebol. A publicidade fez parte do pacote de patrocínio da Volkswagen ao quadro Na Estrada com Galvão, exibido no programa Esporte Espetacular.

Veja: 

Página do plano comercial do Futebol 2020 em que a Globo anuncia publicidade de jornalistas – Foto: Reprodução

Paolla Oliveira se espanta com redes sociais de Vivi Guedes

Locutores também estão liberados 

A Globo autorizar seus profissionais do departamento de esporte fazerem posts pagos no Instagram é um grande avanço na política da emissora, que iniciou neste ano com ações de merchandising durante as transmissões dos jogos. No último domingo (1º) já foi anunciado o aplicativo iFood.

Em 2020, os narradores e comentaristas poderão participar de campanhas publicitárias dos seis patrocinadores nacionais do futebol. “Os patrocinadores do Projeto Futebol 2020 poderão contratar o casting do Futebol da Globo (Galvão Bueno, Cleber Machado, Casagrande, Caio Ribeiro, Roger Flores e Junior) para realização de campanhas publicitárias com exclusividade no seu segmento”, diz o plano comercial.

Além disso, o “casting do Futebol da Globo” também poderá fazer publicidade para os patrocinadores das transmissões de Fórmula 1, dos Jogos Olímpicos de Tóquio e de projetos especiais desenvolvidos pela emissora.

O Projeto Futebol 2020 prevê a transmissão de 85 jogos ao longo do ano, entre eles os campeonatos estaduais, Brasileirão, Copa do Brasil, Libertadores e partidas da Seleção Brasileira. São dez confrontos a menos do que o pacote de 2019, que custou R$ 310 milhões na tabela.

Os atuais patrocinadores (Ambev, Itaú, Casas Bahia, Chevrolet, Hypera Pharma e Vivo) têm prioridade para comprar o pacote de 2020 até 1º de outubro.

Veja também:



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here